• Marcia Telles

Dicas de crescimento pessoal podem ser perigosas


Os treinamentos de crescimento pessoal são uma forma popular de tentar trabalhar aspectos psicológicos para alcançar sucesso na vida e no trabalho. Na prática, os resultados nem sempre são bons. Muitas vezes, esses treinamentos podem fazer mal para a saúde mental.


Tenha prudência com as ofertas de grandes transformações e facilidades.


1. Visualizar um sonho

O conselho favorito desses profissionais é imaginar que você já tem o que procura. Isso significa que a pessoa deve ter um grande desejo de alcançar uma meta, pensar nela e imaginar o resultado em detalhes. Esse enfoque pode transformar um sonho em uma obsessão. Ao invés de viver o aqui e o agora, a pessoa se distancia da realidade e sonha com um futuro idealizado.

Pare de fantasiar e pense no que você pode fazer hoje para realizar um sonho. Uma pequena ação pode te levar para mais perto de um sonho do que a fé pura e simples. E não adie a felicidade para depois; olhe para as coisas boas que você já tem.



2. Ser feliz o tempo todo

Os especialistas em crescimento e desenvolvimento pessoal garantem que uma pessoa pode estar o tempo todo feliz, basta querer. Portanto, costumam criar uma atmosfera exageradamente entusiasmada e os participantes tentam se sustentar nesse pilar no seu dia a dia.

Não se engane, a felicidade não pode ser constante. Deixe o seu corpo experimentar diferentes emoções e não esconda as partes negativas; aceite-as. Não esqueça de que a vida é feita de altos e baixos e esses momentos devem ser respeitados e encarados de frente.



3. Estabelecer metas elevadas

“Se não quer ser um perdedor, estipule metas altas e dignas”. É isso que os treinadores repetem em voz alta. Claro que nenhum de nós quer ser um perdedor e adoramos sentir que ultrapassamos todos os limites. Além disso, temos uma tendência a colocar metas lá em cima: um corpo maravilhoso, o celular mais moderno, um apartamento maravilhoso, etc.

Talvez você devesse pensar de maneira mais realista. Faça para si a seguinte pergunta: de que eu preciso? Um apartamento enorme vai me fazer feliz? Ou com um apartamento pequeno e acolhedor? Em geral, colocamos essas metas elevadas somente para mostrar aos outros que podemos.



4. Superar os obstáculos apenas pela força de vontade

Os treinadores costumam dizer que qualquer obstáculo que aparecer no caminho pode ser superado. De novo, basta querer. O principal é eliminar os obstáculos para demonstrar para si mesmo e para os demais que você pode.

Esse ponto de vista pode ser perigoso. Às vezes, é melhor não resistir e aceitar as situações que a vida nos coloca.



5. Sucesso atrai sucesso

Os treinadores de crescimento pessoal afirmam que para ter sucesso uma pessoa deve estar sempre com pessoas iguais. Se quer ganhar mais, saia com pessoas ricas, vista-se como elas, gaste como elas.

As relações pessoais devem se basear em interesses comuns e entendimento mútuo. Passar muito tempo com outras pessoas apenas porque elas são vencedoras do ponto de vista material é uma ilusão. Entre seus amigos é possível que existam pessoas que não alcançaram grandes metas, mas elas te amam e te fazem muito bem.



6. Fomos feitos para conquistar o mundo

A essência de quase todos os treinamentos de crescimento pessoal é mostrar para as pessoas o quão ilimitadas são as suas possibilidades. Os especialistas enfiam na cabeça das pessoas que o mundo está aos pés delas, fazendo com que se sintam pessoas de sucesso. Ao final, todas sentem que são merecedoras de um grande reconhecimento mundial.

Você não precisa conquistar o mundo, mas pode fazer dele um lugar um pouco melhor. E isso começa com você mesmo e com as pessoas ao seu redor. Não busque fama mundial, produza uma satisfação verdadeira e crie um sentido para a sua vida independente dos outros. E, se acha mesmo que vai ser presidente da empresa em que trabalha, pense pelo ponto de vista estatístico: quantos funcionários a empresa possui e quantos deles são o presidente?

Não abra mão dos seus sonhos, mas aprenda a lidar com as limitações impostas pela vida.



7. Sair da zona de conforto

Essa frase ficou muito popular recente.

Zona de conforto, ou seja, ele vem em situações atípicas e de estresse. Claro que quando estamos em uma cidade estranha nos esforçamos muito para que tudo dê certo, mas essa motivação nem sempre é boa.

Uma zona de conforto é o espaço pessoal em que uma pessoa se sente segura. Saia da zona de conforto, mas volte a ela para manter a sua saúde mental.



8. A vida é o caminho para cima

Graças aos conselhos desses treinadores pessoais, muitas pessoas imaginam suas vidas como uma progressão em linha reta crescente com ótimos resultados mais pra frente. Por um lado, isso pode servir como motivação, por outro, pode fazer uma ideia irreal e superficial do caminhar.

Se hoje você deu sorte, não necessariamente o mesmo acontecerá amanhã. A vida é imprevisível e o caminho de cada um é individual. Além disso, as quedas nos fortalecem e os fracassos nos obrigam a refletir sobre o nosso momento atual.



9. Pensar como um milionário

Os treinadores dizem que para alcançarmos o sucesso devemos aprender a pensar como um milionário (como se todos eles pensassem da mesma forma). Isso parece mais um desejo de viver a vida do outro.

Pense da maneira que quiser. Da sua maneira. Cada uma das pessoas ricas pensou de um jeito diferente e trilhou o seu próprio caminho. Encontre o seu segredo e seja você mesmo.



10. Você é o autor da sua vida

Os treinadores asseguram que tudo o que acontece na vida de uma pessoa depende dela mesma: ações, pensamentos e até mesmo as circunstâncias. Assumir a responsabilidade e procurar uma razão em si mesmo é considerada uma posição de uma pessoa forte. Os treinadores tentam humilhar a outra posição, chamando-a de ’posição da vítima’.

A responsabilidade é uma boa qualidade, mas dentro de um limite razoável. Algumas vezes, as circunstâncias são favoráveis, outras não. Lembre-se de que vivemos neste planeta com muitas outras pessoas, e todas elas têm interesses e metas que podem afetar as nossas vidas.


Conclusão: use o pensamento crítico

Não existe uma receita básica para a felicidade. Se alguém disser que a tem, desconfie. Até mesmo as pessoas que se dizem iluminadas se confundem com as próprias ideias.













Fonte: incrivel club